Sandes de Choco
Um espaço dedicado ao choco em geral e à sandes de choco frito em particular. E aos seus derivados e sucedâneos. E à mini. E não só.

sexta-feira, novembro 11, 2005

Aviso à navegação



Há pessoal que devia vir com aviso.

Se os maços de tabaco têm aqueles autocolantes a avisar as pessoas que aquilo é uma coisa que até pode fazer mal, porque não colar etiquetas no peito das pessoas, a avisar o efeito que elas podem ter em nós? Não seremos também nós consumidores passivos de personalidades mais ou menos corrosivas?

Por exemplo, há gente tão triste, tão infeliz, tão deprimida e deprimente, que tem o condão de contaminar tudo e todos à sua volta. Essas pessoas deviam trazer um aviso do género: "Atenção: Quando sujeito a um tempo de exposição prolongada, sou susceptível de causar tristeza e depressão".

Ou aquelas pessoas tão, mas tão chatas que deviam avisar: "Quando administrado em doses excessivas posso causar tédio ou sonolência. Não é aconselhada a condução de veículos ou a operação de máquinas pesadas na minha presença".

Ou ainda, "Contém produtos altamente tóxicos. Manter fora do alcance das crianças".
(Mas isso já nos levava por outros caminhos e já não há paciência para o "caso Casa Pia")

Assim ficávamos logo preparados para o pior.
E a sociedade seria um local melhor para vivermos.
E teríamos uma nova industria de tabuletas a florescer.

1 leitores trincaram a sandes:

  • Qualquer coisa tipo: "eu mato" ou "eu não provoco qualquer tipo de emoção em si!"...acho que tens razão!

    Por Blogger sereia, às 8/12/05 21:57  

Enviar um comentário

<< Voltar à Sandes

  eXTReMe Tracker